Blog

Nossa História parte II

Nossa História parte II

A saída de Dr. Roberto Fontes da empresa levantou questões ideológicas importantes. Era necessário encontrar alguém com características fortes o suficiente para liderar o projeto e conhecimento o bastante para gerir uma equipe multidisciplinar de extrema competência e sede de conquistas. Isso deixava o desafio ainda maior.

Recém-chegada da Alemanha, tendo concluído o doutorado na Universidade de Bremen, Dra. Adriene F. Pereira voltou a circular no ambiente acadêmico que os permeava, com a realização do pós-doutorado no Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo. A admiração por sua postura profissional impecável e seu conhecimento profundo nas áreas de atuação da empresa tornaram irresistível a vontade de lhe fazer o convite para assumir a administração da HidroMares. Acreditavam que a robustez de seu caráter aliada à sua excelência técnica reforçaria a estrutura corporativa, alinhando-a com os objetivos de crescimento e expansão idealizados – e eles estavam certos. Os projetos ganharam novo fôlego e outras especialidades foram incluídas na prestação de serviços, renovando com primor o compromisso com a qualidade, a ética, e a constante busca por aprimoramento e inovação tecnológica.  Devido à sua larga experiência em modelagem numérica e coleta e análise de dados nos mais diversos corpos hídricos, a companhia manteve sua força inicial e ainda ampliou seu escopo.

Preparado para assumir maiores responsabilidades e entrar em poderosas correntes, em 2006, o escritório ganhou nova localidade – a cidade de Santos. A região abriga o maior porto da América Latina, é um dos polos logísticos para exploração dos campos do pré-sal e está localizada a poucos minutos de São Paulo, a cidade mais importante do país e 4ª metrópole do mundo.

Porto-de-Santos-Brasil

Fonte: http://www.industriahoje.com.br/

Com tamanha dedicação e valor, o reconhecimento era certo e sua atuação se estendeu por todo o território nacional, alcançando também a América do Sul.

Em 2010 a estatal de petróleo colombiana, Ecopetrol, voltava seus investimentos exploratórios, antes em terra, para os oceanos. Atentando-se à qualidade tecnológica e à vasta experiência brasileira, procurou no país quem elaborasse com precisão o importante estudo sobre o impacto ambiental das perfurações de poços exploratórios de óleo e gás no caribe colombiano. A HidroMares foi a empresa nacional contratada e essa atuação coroou também sua capacidade administrativa, ao conduzir com maestria um projeto desse porte. Foi a força propulsora para a ativação de um plano que estava em desenvolvimento com o objetivo de trazer soluções mais completas ao mercado.  Profissionais de grande reputação científica, aplicada com alto valor humano, se preparavam para se tornar referência nacional em assessoria ambiental e oceanográfica, em um cenário onde empresas concorrentes se multiplicavam com uma velocidade alarmante.

Clique aqui para as cenas do próximo capítulo

Clique para voltar para o Capítulo I