Cases

SISMO® no Porto de Santos

Categoria: Monitoramento em tempo real (SISMO®)

A Praticagem do principal porto brasileiro e maior da América latina gerencia sua operação orientada pelo SISMO®. As informações em tempo real permitem um número maior de manobras e de cargas transportadas, com a flexibilidade e segurança necessária. O sistema de informações meteo-oceanográficas em tempo real oferece subsídio para a tomada de decisões importantes sobre as embarcações, manobras, atracações e a segura navegação no estreito e sinuoso canal com trajetos de baixa profundidade do Porto de Santos. O Porto que movimenta um grande vulto de transações comerciais no Brasil e no mundo conta desde 2014  com o moderno sistema da HidroMares para garantir o sucesso de suas operações. De posse de informações variáveis como direção e intensidade das correntes, maré, altura das ondas e temperatura é possível utilizar as condições ambientais a favor do progresso, e é isso o que a HidroMares oferece através do SISMO®.

>>O sistema é customizável, entenda como ele pode contribuir para o seu projeto de crescimento.

Responsabilidade da HidroMares: desde a escolha dos equipamentos até a transmissão dos dados

A HidroMares realizou desde a importação e venda dos sensores oceanográficos até a instalação e a integração destes equipamentos ao Centro de Coordenação, Comunicações e Operações de tráfego (C3OT) da Praticagem do Porto de Santos. O sistema é customizável, desenvolvido estrategicamente para oferecer as melhores condições de monitoramento de acordo com a realidade e localização do projeto. Os equipamentos que compõem o sistema são de marcas representadas pela HidroMares, e é nossa também a responsabilidade pela manutenção das estações e transmissão dos dados. O acesso aos dados pode ser feito via aplicativo SISMO® ou pela internet.

 

Entenda o monitoramento no Porto de Santos

Atualmente, existem três estações de monitoramento oceanográfico no Porto de Santos as quais pertencem à Praticagem de São Paulo. As estações são denominadas de acordo com sua localização no estuário: Palmas, Praticagem e Capitania. Na estação Palmas, localizada próximo à boia 1 de acesso ao Porto, um perfilador acústico de correntes amostra dados de direção e intensidade das correntes ao longo da coluna de água, além de altura e período de onda. Nas estações Praticagem e Capitania, um perfilador acústico horizontal coleta dados de direção e intensidade das correntes ao longo de uma secção transversal ao canal de navegação. Os dados são transmitidos para o C3OT onde são processados com o sistema de controle de qualidade dos dados da HidroMares, SISMODQ©, e, então, disponibilizados para os práticos para auxiliar nas manobras das embarcações.

 

>>Conheça mais sobre o SISMO®